Atenção Consumidores AltBank lança novo cartão de crédito para quem tem score baixo e nome sujo; Veja como solicitar.

Imagem: Reprodução/Google


Alt.bank criou um cartão de crédito para atender consumidores que têm uma pontuação baixa ou nome sujo em agências de proteção ao crédito. A fintech quer levar o produto para essas pessoas como um instrumento de organização financeira, e não apenas como meio de pagamento.


Com a nova funcionalidade "construtora de crédito", a empresa permite que o usuário use o cartão através de um depósito de garantia. O limite será definido por si só, basta depositar o valor na conta digital.


Embora no início ele deva funcionar como um cartão pré-pago, a proposta é do alt.bank é parar de exigir garantia após um determinado período. Ou seja, a empresa avaliará o comportamento do consumidor para começar a liberar o limite pré-aprovado.


"A função 'construtor de crédito' é para pessoas com acesso restrito ao crédito para construir um histórico de crédito ao usar o produto. Além disso, o dinheiro economizado rende 100% do CDI diariamente, o que ajuda a pessoa a construir sua riqueza também", explica Fábio Silva, diretor-geral da fintech no Brasil.


Limite dinâmico de crédito


Outra função diferenciada é o "limite dinâmico de crédito". A proposta é ajustar diariamente o limite do usuário, considerando seus hábitos financeiros e renda. Em outras instituições, esse aumento ocorre gradualmente ao longo de meses e até anos.


"O limite dinâmico de crédito ajuda muito a pessoa a ter responsabilidade financeira. Ela não é a única que determina o quanto quer limitar. Temos algoritmos baseados em inteligência artificial e machine learning que aprendem, ao longo do tempo, o perfil comportamental da pessoa e, cruzando com outras informações sobre elas, ajudam a definir o limite adequado para aquele momento em que estão vivendo", detalha o diretor-geral.


Você não pode escolher ambas as modalidades ao mesmo tempo. No entanto, a empresa espera que aqueles que utilizam o serviço de "construtor de crédito" migrem para o "limite dinâmico de crédito" no menor tempo possível.


"Ao pagar o cartão integralmente todos os meses e acumular renda – em vez de pagar taxas predatórias – ajudamos na saúde financeira de nossos clientes e suas famílias", acrescenta Brad Liebmann, fundador do alt.bank.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem