18.1 C
São Paulo
terça-feira, maio 21, 2024
- Publicidade -spot_img

Minha Casa, Minha Vida: Lula anuncia 112 Mil imóveis gratuitos: Verifique se seu CPF está na Lista

Leia Mais

- Publicidade -spot_img

A realização do sonho da casa própria está cada vez mais próxima para muitos brasileiros, com o anúncio feito recentemente pelo presidente Lula. Por meio do programa Minha Casa Minha Vida, muitas famílias poderão garantir um dos 112 mil imóveis que serão construídos pelo governo federal.

Lançado em 2009, o Minha Casa Minha Vida é uma iniciativa do governo para promover o acesso à moradia para famílias de baixa renda, além de reduzir o déficit habitacional no Brasil e estimular o desenvolvimento urbano e social. 

O programa atende a diferentes segmentos de renda, desde aqueles com renda mensal de R$ 1.800 até aqueles com renda de R$ 7.000.

A especialista Lila Cunha, colaboradora de Roosevelt, explica mais sobre o Minha Casa Minha Vida, confira.

112K propriedades 

112 Mil Imoveis Gratuitos 1

Com investimento financeiro de R$ 11,6 bilhões, o governo construirá 112 mil novas unidades habitacionais nas zonas urbana e rural para pessoas cadastradas no programa Minha Casa Minha Vida. 


Para garantir uma propriedade no programa, é importante atualizar os dados no CadÚnico (registro único). Vale ressaltar que nesta nova fase do Minha Casa Minha Vida, famílias de renda média também poderão comprar um imóvel, garantindo assim que mais famílias possam realizar o sonho da casa própria.

Minha casa, minha vida, para ter sua própria casa

O programa Minha Casa Minha Vida trabalha com construção e financiamento habitacional, oferecendo condições especiais de financiamento para que famílias de baixa renda possam comprar casa própria ou apartamento. O programa é dividido em três faixas de renda, a saber:

  • Grupo 1: Os beneficiários desse grupo têm renda máxima de R$ 2.640, com desconto de até R$ 55 mil e taxa de juros para financiamentos de 4% a 4,25% ao ano;
  • Grupo 2: Aqui, há famílias com renda entre R$ 2.640 e R$ 4.400, com desconto de até R$ 55 mil e taxas de juros de financiamento entre 5% e 7,6% ao ano;
  • Grupo 3: Esse grupo tem beneficiários cuja renda varia entre R$ 4.400 e R$ 8.000, e não tem descontos e taxas de juros de até 8,66% ao ano.
Bruno Ferreira
Bruno Ferreirahttp://redebrasilnews.com.br/
Além de sua atuação nas redações, Bruno Ferreira também explorou a era digital, envolvendo-se em projetos de mídia online, podcasts e outras formas inovadoras de contar histórias. Sempre em busca de novas formas de se conectar com o público, um defensor incansável da liberdade de imprensa e da importância do jornalismo independente na sociedade contemporânea.

Últimas Notícias