Atenção! Beneficiários do INSS devem receber 13º em dobro 2022; Veja

Imagem: Reprodução/Google

Aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estão otimistas. O Projeto de Lei que estabelece o pagamento duplo do 13º foi aprovado na semana passada.


Agora, o documento vai para outra comissão da Câmara dos Deputados. Se aprovado novamente, passará para o Senado e entrará em vigor o mais rápido possível.


Pagamento

O Projeto de Lei (PL) nº 4.367/2020 é do deputado Pompeo de Mattos e propõe a criação emergencial do pagamento adicional. A medida foi proposta em 2020, mas na época acabou ficando de lado, embora permaneça em análise. Vale ressaltar que este não foi o único projeto que tratou do assunto.


O 13º duplo do INSS serviria para dar alívio aos segurados e aquecer a economia no final do ano. Está sendo visto como a criação de um 14º salário. Além disso, a proposta prevê pagamento suplementar até 2023. Portanto, o pagamento será de até dois salários mínimos nos meses de março de 2022 e 2023.


A proposta foi levada à Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara. Até agora não há data para o 14º a ser depositado. Uma vez aprovado, o projeto vai para o Senado.


Quem tem direito?


Pessoas que recebem:


  • Aposentadoria;
  • Pensão por morte;
  • Auxílio-doença;
  • Auxílio acidente.
  • Ajuda de reclusão.

Se aprovado, o 14º salário deve ser pago anualmente pelo menos até 2023. É isso que prevê o texto da proposta em tramitação.


O principal objetivo do pagamento adicional é minimizar os impactos da pandemia na economia. "É o melhor possível dentro da urgência e dentro da emergência que temos. É merecido. aos 35 milhões de aposentados que esperaram por este momento. O grande vencedor aqui, não sou eu, são os 35 milhões de beneficiários", disse o relator adjunto, Fábio Mitidieri (PSD-SE).

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem