Descubra se seu CPF foi usado ilegalmente por Golpistas após vazamento de dados.

Imagem:Google

Em janeiro, cerca de 223 milhões de brasileiros tiveram suas informações vazadas na internet.

Apenas algumas semanas depois, outro megavazamento expôs os números de telefone de aproximadamente 102,8 milhões de pessoas, ativando o sinal de alerta para possíveis golpes.


Muitas perguntas e preocupações surgiram entre aqueles que têm seus dados expostos, especialmente sobre o uso não autorizado dessas informações para operações como empréstimos e abertura de contas bancárias.


Se você é uma dessas vítimas e quer descobrir se alguém está usando suas informações para cometer fraude, o Banco Central criou uma ferramenta para ajudá-lo.


Como usar a ferramenta

O site da Registrato, criado pelo BC, permite que o cidadão consulte todas as contas correntes, financiamentos, chaves pix, transações cambiais, transferências internacionais e empréstimos registrados em seu CPF. Para usar a ferramenta, basta fazer um cadastro muito simples.


Veja abaixo como usar o Registrato:


Acesse o site www.bcb.gov.br/cidadaniafinanceira/registrato;

  • Informe se você é uma pessoa física ou jurídica;
  • Validar sua identidade por um dos meios disponíveis;
  • Pelo celular: Escolha a opção "Registrando" no aplicativo do seu banco, digite sua senha e gere um PIN;
  • Faça login no site do Banco Central e finalize seu cadastro.

Após a confirmação, você terá acesso a todas as informações vinculadas ao seu Número de Seguridade Social. Se forem detectadas transações desconhecidas, como empréstimos e abertura de contas, informe imediatamente a instituição financeira responsável ou entre em contato com o Banco Central.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem