Financiamento na compra da CASA: Confira as melhores condições e QUANTO precisa faturar para compra da Casa Própria.

Imagem:Google

Ao longo do último ano, muitas pessoas aproveitaram as condições especiais do financiamento imobiliário para realizar o sonho de ter sua própria casa.

Para você ainda não ter feito o financiamento de um imóvel, é importante planejar ter o valor necessário de entrada para o financiamento.


O financiamento imobiliário funciona através de um empréstimo concedido por um determinado banco. Com o valor recebido, a pessoa pode comprar o imóvel. Com isso, o cliente deverá pagar esse financiamento parcelado, de acordo com as condições estabelecidas no contrato.


Por ser uma operação que envolve uma grande quantidade de dinheiro, as instituições financeiras cobram taxas consideráveis de empréstimo. Dessa forma, o interessado em adquirir a operação deve verificar as opções disponíveis.


Além disso, recomenda-se organizar para ter a quantidade necessária de entrada.


Quanto é necessário para da entrada no financiamento imobiliário

Para se ter uma ideia do valor necessário para a entrada no financiamento imobiliário, a plataforma digital de crédito imobiliário Melhor taxa montou uma simulação para indicar esse valor.


A simulação foi baseada em imóveis dessas faixas de preço: R$ 400 mil, R$ 750 mil e R$ 1 milhão. Os valores estimados para financiamento são de 360 meses e com juros de 7% mais taxa referencial (TR).


A pessoa que tiver uma poupança equivalente a 20% do imóvel, uma reserva de emergência e renda familiar a partir de R$ 9 mil poderá entrar em um imóvel de R$ 400 mil. A simulação indica o pagamento de uma parcela inicial de R$ 2,8 mil.


No caso de um imóvel de R$ 750 mil, o rendimento mínimo exigido é de cerca de R$ 17,4 mil. A primeira parcela está prevista em R$ 5,2 mil.


No caso do imóvel de R$ 1 milhão, a taxa de Melhoria estima o rendimento mínimo de R$ 23 mil. A mensalidade é de aproximadamente R$ 7.000.


Segundo o co-fundador da Melhortaxa, Rafael Sasso, independentemente do valor do imóvel, a pessoa pode levar, em média, de dois a três anos para obter o valor equivalente a 20% de entrada no valor do imóvel.


Para isso, o interessado pode tomar algumas medidas, como economizar 20% do salário ou mais mensalmente, se possível.