Caixa oferece empréstimo para negativados que desejam penhorar alguns valores; Saiba mais

Imagem:Google

Ter o nome inserido nas infames listas de proteção ao crédito, como SPC e Serasa, traz muita dor de cabeça para quem procura um empréstimo.

O principal motivo tem a ver com as consultas feitas no histórico financeiro do requerente por esses birôs. Se alguma pontuação de inadimplência ou risco for encontrada na pontuação, o dinheiro acaba sendo negado.


Mas como o mercado financeiro não para de se renovar, a tradição de negar serviços bancários a quem é negativo já é combatida por algumas instituições. Uma delas é a Caixa Econômica Federal, que libera nada menos que 3 opções de empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa. O limite também chama a atenção, chegando a R$ 100 mil, dependendo do acordo assinado.


Modalidades de empréstimos Dinheiro para negativados

Quem precisa de dinheiro rápido, mas é restrito no CPF, pode optar pelas modalidades de crédito sem burocracia oferecida pelo Estado. Nota:


Empréstimo garantido no FGTS: Trabalhadores com saldo disponível no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) podem usar os recursos do Fundo como garantia para empréstimos com juros reduzidos pela Caixa. Um exemplo traz a antecipação do saque-aniversário, que garante contratação com valor mínimo de R$ 2 mil.


O serviço adianta os pagamentos de até três parcelas do benefício, com taxas de juros que chegam a 0,99% ao mês. E o melhor de tudo, clientes com nome sujo podem se candidatar, já que nenhuma análise de crédito é realizada para a concessão do recurso.
A opção está disponível no aplicativo do FGTS ou nos terminais de autoatendimento da Caixa.


Empréstimo da Caixa: libera crédito para negativos que desejam penhorar alguns valores, como joias, diamantes, metais nobres, relógios, prataria, entre outros. A garantia do item, que pode ser leiloado em caso de inadimplência no pagamento das parcelas, torna-o uma opção sem consulta ao SPC e Serasa.


Além disso, outro aspecto que chama a atenção para a modalidade é o limite do empréstimo, que pode chegar à casa de R$ 100 mil. Para solicitar, o interessado pode ir a qualquer agência da Caixa levando consigo o objeto de valor.


Empréstimo consignado: essa modalidade é direcionada exclusivamente ao grupo de aposentados, pensionistas e servidores públicos de órgãos contratados. Sem consultar os birôs de proteção ao crédito, as parcelas do empréstimo são desonram diretamente da folha de pagamento do beneficiário.


Entre as condições oferecidas pelo contrato, estão: prazo estendido para pagamento, redução da taxa de juros, controle no pagamento das parcelas, além de mais comodidade e agilidade no fechamento do contrato. Para solicitar o empréstimo consignado da Caixa, o cidadão interessado deverá primeiro ter uma margem consignada e, em seguida, optar pelo serviço em qualquer um dos principais canais de atendimento do estado.