Empréstimo do Bolsa Família garante mais uma renda EXTRA para as famílias mais pobres.

Imagem: Google

Os segurados do Bolsa Família que estão passando por um período ainda maior de crise financeira podem solicitar uma linha de crédito.

Você sabia que dentro do maior programa social do país há uma oportunidade de emprestar? Por meio do projeto Progresso, administrado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, é possível solicitar até R$ 15 mil.


Mesmo funcionando como um programa de renda, o Bolsa Família permite aos seus segurados acesso a parcelas extras caracterizadas como empréstimo.


Normalmente o serviço é pouco divulgado, por isso tem um número reduzido de solicitações em relação ao número de segurados no projeto.


Quem pode solicitar o empréstimo do Bolsa Família?

O pedido, bem como a aceitação no programa, é por meio de um conjunto de normas que levam em conta a faixa de renda e a situação familiar do segurado. Aqueles com direito ao empréstimo têm direito àqueles que estão incluídos nos seguintes critérios:


  • Participação das mulheres da casa nas ações do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome pela saúde da mulher;
  • Ter renda familiar inferior a R$170,00;
  • Todas as crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos, devem estar matriculados em uma escola.


Como solicitar crédito?

Primeiro é necessário que o cidadão vá a uma agência da Caixa Econômica Federal e veja se sua conta tem disponibilidade de liberação do depósito.


  • Primeiro vá a uma agência da Caixa Econômica Federal e consulte se há liberação em seu nome; ou seja, se você pode obter o empréstimo;
  • Em seguida, é necessário que um agente da Caixa visite a casa do segurado para se certificar de sua situação de renda;
  • Em seguida, basta procurar um fiador, que deve estar presente em todos os momentos do processo;
  • Após a visita do agente, em oito dias será feita uma análise do empréstimo, verificando toda a documentação do requerente;
  • Se aprovado, o dinheiro é liberado pela Caixa e pode ser sacado imediatamente.

Taxas de juros

Assim como nas outras linhas de crédito, há também taxas de juros por meio do empréstimo do Bolsa Família. Neste caso, o governo leva em conta os seguintes critérios:


  • Situação de renda;
  • Valor do empréstimo;
  • Número de pacotes.