Caixa Tem: Veja gerar o código para saque do FGTS e auxílio emergencial.

Imagem: Google

Como toda movimentação relacionada ao auxílio emergencial e retirada emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), ambos liberados na pandemia do novo coronavírus, o saque também pode ser realizado com a unidade digital, também conhecida como "sem cartão", através do aplicativo Caixa Tem, disponível gratuitamente nos sistemas operacionais Android e iOs.


O aplicativo fornece um código que autoriza o saque de duas horas. Se o trabalhador não realizar a ação neste momento, o código expira.


Passo a passo para retirar o benefício sem cartão

  • Acesse o aplicativo Tem Box;
  • Clique em "Cardless";
  • Clique em "Gerar código para saque";
  • Clique no botão "Gerar código";
  • Digite sua senha para o aplicativo Tem Box.
  • Automaticamente, um código bosis aparecerá na tela do seu celular. Os próximos passos devem ser realizados em frente a um caixa eletrônico, lotérica ou correspondente Caixa Aqui.


Para isso, é obrigatório ter o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e o celular em mãos.

No caixa eletrônico:

  • Pressione a tecla "Enter" no teclado;
  • Escolha a opção "Decolagem de auxílio de emergência";
  • Digite seu número da Previdência Social;
  • Clique em "Continuar";
  • Digite o código gerado pelo aplicativo Tem Box;
  • Pressione o botão "Confirmar";
  • Escolha o valor para um whooe.

Vale lembrar que a saída emergencial do FGTS tem um prazo: 31 de dezembro deste ano. Após essa data, o valor retorna, com ajustes, à conta do titular.


O auxílio emergencial também deve ser transferido em 90 dias. Sua última parcela será depositada em dezembro para os beneficiários dentro e fora do Bolsa Família. Segundo o governo federal, não há expectativa de prorrogação do benefício para o próximo ano.


O ideal é que todos os serviços relacionados ao auxílio emergencial e ao FGTS sejam realizados por meio de plataformas digitais durante o período pandêmico do novo coronavírus.


Em casos de atendimento presencial, a orientação é que os trabalhadores façam uso obrigatório de máscaras para conter o avanço da doença aqui no país.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem