Atenção! Caixa cria linha de financiamento Imobiliário com taxação inédita; Veja Detalhes das condições.

Imagem:Google

A Caixa Econômica Federal lançou uma linha de financiamento imobiliário com taxação inédita nesta quinta-feira (25).

O financiamento é atrelado ao rendimento da poupança com taxas de juros que variam entre 3,35% para quem é cliente do banco e 3,99% para não correntista, além da variação da poupança, de 1,40%.


O prazo de pagamento da nova linha de financiamento é de 35 anos. Ela estará disponível a partir do dia 1º de março deste ano em todas as agências da Caixa. A nova linha começará com o investimento de R$ 30 bilhões.


Estamos com as menores taxas de juros da história e os preços dos imóveis ainda não se recuperaram totalmente. Temos um momento muito importante para o financiamento imobiliário e compra da casa própria”, afirmou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.


De acordo com o que a Caixa divulgou, serão ofertados três alternativas de crédito imobiliário para os clientes.


São elas:


  • Linha tradicional (corrigida pela TR), com taxas que variam entre 6,25% e 8% ao ano;
  • Modalidade atrelada à inflação medida pelo IPCA, com percentual entre 2,95% e 4,95% ao ano;
  • Empréstimo com juros fixos entre 8% e 9,75% ao ano.

Segundo o jornal O Globo, no ano passado, a Caixa teve “o saldo da carteira de crédito imobiliário da Caixa atingiu R$ 509,8 bilhões e 5,6 milhões de contratos. As novas concessões somaram R$ 116 bilhões no ano passado. Do total, R$ 53,7 bilhões foram com recursos da poupança e R$ 62,3 bilhões do FGTS.”


No mesmo ano, o banco investiu no suporte ao setor da construção civil. Para eles, houve mudanças, por exemplo, na carência dos novos contratos. Os clientes puderam dar uma pausa no pagamento das prestações.


“Em um ano desafiador, adotamos medidas estruturantes que contribuíram para manter ativo o mercado da construção civil, com crédito acessível para este setor, que é um dos maiores empregadores no país”, disse Guimarães.


Ainda sobre a nova linha de crédito, vale ressaltar: o serviço estará disponível a partir do dia 1º de março em todas as agências da Caixa Econômica Federal.


No interesse pelo serviço, o recomendado é que os clientes compareçam presencialmente respeitando os protocolos de segurança contra a COVID-19.