17.7 C
São Paulo
quinta-feira, junho 13, 2024
- Publicidade -spot_img

Quais os riscos da lipoaspiração e da cirurgia realizada por Luana Andrade

Leia Mais

Ex-participante do reality show Power Couple Brasil Luana Andrade morreu nesta terça-feira (7) após complicações durante uma lipoaspiração. Em nota, o Hospital São Luiz, onde a operação foi realizada, informou que a causa da morte do influenciador de 29 anos foi uma embolia pulmonar.

Segundo dados da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS), o Brasil é o segundo país a realizar mais cirurgias plásticas no mundo, perdendo apenas para os Estados Unidos. Os números são de 2020, ano do último levantamento. Entre os procedimentos mais procurados, a lipoaspiração ocupa o primeiro lugar, seguida pelas cirurgias de prótese mamária e cirurgia de pálpebras.

Apesar de ser o procedimento mais comum, a lipoaspiração, como é frequentemente chamada, ainda apresenta riscos aos pacientes.

O que é Lipo?

A lipoaspiração é o procedimento estético mais popular entre os brasileiros.
Getty Imagens
A lipoaspiração é o procedimento estético mais popular entre os brasileiros.
A lipoaspiração é utilizada para tratar gordura localizada e costuma ser indicada para quem tem excesso de gordura em determinadas partes do corpo.

O procedimento consiste na retirada de gordura através da cânula, que é um tubo metálico oco que é inserido no tecido adiposo. A forma mais comum desse procedimento é a lipoaspiração com bomba geradora de vácuo.

Na cânula, pode ser utilizada a lipoaspiração vibratória, dispositivo que faz com que a cânula vibre, auxiliando na lipoaspiração. Para quebrar as células de gordura, um laser ou gerador ultra-sônico é usado em alguns casos que produzem ondas sonoras acima da frequência audível. Quando as células são quebradas, elas são removidas por um dispositivo de sucção.

Últimas Notícias