15.4 C
São Paulo
terça-feira, junho 18, 2024
- Publicidade -spot_img

Ótima Noticia acaba de sair! Detran anuncia nova medida que irá facilitar a vida de milhões de motoristas; Veja aqui

Leia Mais

Novo no bloco! O Detran ampliou a possibilidade de pagamento para facilitar a vida dos motoristas em São Paulo. Especificamente, o governo do estado de São Paulo disponibilizou a opção de pagar via Pix por uma nova onda de taxas associadas ao Departamento de Trânsito do Estado de São Paulo (Detran-SP). Em suma, essa nova fase inclui serviços como a emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o registro de veículos novos.


Detran confirma nova forma de pagamento

Vale lembrar que a implementação do Pix como forma de pagamento para o Detran começou em outubro do ano passado.  Na época, o foco inicial era o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Bases Predial e Territorial Urbano (IPVA).
Em seguida, passou para a segunda fase em 3 de janeiro deste ano, com a inclusão de multas de trânsito e taxas relacionadas à transferência e licenciamento de veículos usados.
Até o momento, mais de 130 mil pagamentos foram feitos pelo Pix, segundo o governo estadual, que cobre taxas e serviços disponíveis nas duas primeiras fases.

Afinal, como pagar com Pix no Detran?

Vamos! Para quitar tanto as novas taxas quanto os débitos anteriormente guardados no Detran, os usuários precisam acessar o site da Secretaria de Estado da Fazenda e Planejamento (Sefaz-SP) para gerar um QR code.



Mais ainda, entre as taxas emitidas para pagamento via Pix:
  • Taxas para emissão de CNH e registro na Carteira Nacional de Habilitação;
  • Taxas para realização de exames para emissão de carteira de habilitação;
  • Carteira Internacional de Habilitação (IDP);
  • Taxa de registro de veículo 0 km;
  • Taxas de emissão de placa do fabricante;
  • Taxas para escolha de caracteres alfanuméricos;
  • Liberação do veículo apreendido;
  • Alojamento diário (em pátios).

Governo quer incluir opção no Poupatempo

“A desburocratização dos serviços públicos é prioridade, pois contribui diretamente para a melhoria do ambiente de negócios e da competitividade do estado de São Paulo. A maior vantagem da modernidade é a ampliação da rede de cobrança, que hoje inclui todas as instituições financeiras participantes do PIX, que é de cerca de 800”, afirma Samuel Kinoshita, ministro da Fazenda e Planejamento, em nota.
Vale destacar que, além do Detran, o governo estadual indicou planos para ampliar o uso do Pix para cobrir os serviços do Poupatempo, com o objetivo de aumentar a conveniência e acessibilidade dos serviços públicos via dispositivos móveis.
Bruno Ferreira
Bruno Ferreirahttp://redebrasilnews.com.br/
Além de sua atuação nas redações, Bruno Ferreira também explorou a era digital, envolvendo-se em projetos de mídia online, podcasts e outras formas inovadoras de contar histórias. Sempre em busca de novas formas de se conectar com o público, um defensor incansável da liberdade de imprensa e da importância do jornalismo independente na sociedade contemporânea.

Últimas Notícias