21.7 C
São Paulo
sábado, março 2, 2024
- Publicidade -spot_img

Biden pode proibir venda de Apple Watch nos EUA

Leia Mais

Post emprestimo financeira dinheiro emprestado. Post para Facebook 4

O Apple Watch pode estar muito perto de proibir sua venda nos Estados Unidos, dadas as declarações de Joe Biden sobre as irregularidades da empresa. De acordo com um comunicado da Ordem de Exclusão Limitada (LEO) emitido na última terça-feira (21), a Apple infringiu as patentes da alivecor sobre a ferramenta que avalia os batimentos cardíacos.

Assim, Priya Abani, CEO da AliveCor, elogiou a revisão presidencial do caso. Para Abani, a decisão de Biden de manter honrosas as decisões propostas pelo ITC para responsabilizar a multinacional de tecnologia por seus abusos.

“Esta decisão vai além do AliveCor e envia uma mensagem clara aos inovadores de que os Estados Unidos protegerão as patentes para construir e escalar novas tecnologias que beneficiem os consumidores”, disse Abani.Biden se posiciona contra uma das maiores empresas dos Estados Unidos
Em dezembro do ano passado, a ITC informou que as versões mais recentes dos dispositivos Apple violavam a tecnologia ECG. Assim, se a empresa continuar a usar a função, é proibido importar ou comercializar qualquer um desses produtos no território dos Estados Unidos.

De certa forma, Biden está se colocando contra uma das maiores empresas de tecnologia dos Estados Unidos. Com sua declaração, ele afirma que a pequena empresa deve ser indenizada pelas ações da Apple. Com a permissão do Estado, a decisão do ITC avança e continua a enfrentar uma das maiores empresas do mundo.

Desta forma, a ordem de exclusão limitada será confirmada através da análise de todos os recursos pendentes. Finalmente, espera-se que a Apple continue a usar todos os recursos. Assim, a intenção é que a venda do seu smartwatch não seja proibida na sua região de origem.

Últimas Notícias