19.1 C
São Paulo
quarta-feira, junho 12, 2024
- Publicidade -spot_img

Os aposentados do INSS têm direito a um novo benefício: Veja como concusltar

Leia Mais

Os aposentados do INSS terão um novo recurso? O Projeto de Lei (PL) nº 36/2023, que prevê a comprovação de isenção de doença para obtenção de isenção de imposto de renda (IR) para aposentados e pensionistas, surpreendeu os brasileiros. Isto porque muitos destes cidadãos têm de lutar contra doenças graves e, no entanto, têm de provar o seu estatuto para não terem de pagar impostos. O objetivo do projeto de lei é evitar que tais situações continuem ocorrendo no Brasil.

Novos benefícios do INSS para aposentados

A boa notícia é que o Projeto de Lei nº 36/2023 afirma que aposentados e aposentados já isentos de pagar IR não precisam mais comprovar que estão doentes para manter a isenção. Atualmente, há confusão jurídica sobre isso, e alguns cidadãos podem perder a isenção se não provarem que estão doentes ou que a doença ainda não foi controlada.

De acordo com as leis brasileiras, alguns pensionistas gravemente doentes podem ficar isentos do pagamento do imposto de renda. Isso inclui doenças como tuberculose, esclerose múltipla, câncer e AIDS, mesmo que as contraiam depois de terem direito a benefícios previdenciários.

O autor do projeto é o deputado federal Marangoni (União – SP), que foi baseado em uma decisão de 2018 do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) sobre o tema. Na decisão, os ministros afirmaram que “o contribuinte tem direito a conceder ou manter isenção de IR, sem que exija que comprove a contemporaneidade de sintomas de doença ou deficiência”.

Marangoni acredita que a decisão do STJ deve garantir aos aposentados e aposentados o direito de não ter que comprovar doença para manter a isenção. No entanto, afirma-se que é necessário aprovar o Projeto de Lei nº 36/2023 para evitar interpretações adversas no futuro. “É preciso promover o entendimento por meio da lei”, disse.

Benefícios da gestão

A decisão do STJ e a Lei nº 36/2023 são importantes para garantir os direitos dos aposentados e aposentados, especialmente aqueles que lutam contra doenças graves. A comprovação de isenção de doença para obter isenção de imposto de renda alivia o ônus sobre aqueles cidadãos, que já estão passando por tempos difíceis devido à doença.

Além disso, a aprovação do PL nº 36/2023 pode trazer mais segurança jurídica a esses cidadãos. A confusão sobre a necessidade de comprovar a doença pode ser prejudicial para aposentados e aposentados que já estão isentos de pagar imposto de renda. Com a aprovação do projeto de lei, essa situação deve ser resolvida.

O projeto de lei também busca tornar o processo de concessão de isenção de imposto de renda a aposentados e aposentados criticamente doentes. Atualmente, muitos desses cidadãos enfrentam dificuldades burocráticas para obter a isenção, o que poderia agravar ainda mais sua condição de saúde.

O PL 36/2023 sugere a apresentação de comprovação de doença apenas uma vez, e que a isenção seja concedida automaticamente a partir daí. Isto significa que um pensionista ou pensionista deixará de ter de passar pelo processo de renovação anual da isenção, que pode ser muito pesado e dispendioso.

Últimas Notícias