23.2 C
São Paulo
domingo, abril 14, 2024
- Publicidade -spot_img

Mais de 300 mil famílias podem solicitar desconto de até 65% na conta de luz; Confira se você tem direito

Leia Mais

O novo desenho do Minha Casa, Minha Vida pode impactar a conta de energia dos brasileiros. Saiba os motivos!

Imagem: Reprodução/Rede Brasil News

Existe uma conta que chega para a grande maioria dos lares brasileiros, que é a conta de luz. A conta de energia está aumentando cada vez mais e isso preocupa as famílias que vivem em estado de vulnerabilidade econômica e social. No entanto, é hora de se familiarizar com o desconto de até 65%. 

A conta de luz nos lares brasileiros está aumentando e isso está preocupando milhões de famílias em todo o país. No entanto, o governo federal implementa uma série de medidas em favor das famílias que vivem em situação de pobreza e extrema pobreza.

Para que isso aconteça, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PSO) busca ampliar o poder de compra do povo brasileiro. O salário mínimo subiu e o valor básico do Bolsa Família foi elevado para R$ 600, sem contar os pagamentos adicionais que giram entre R$ 150 e R$ 50, assim como o aumento do auxílio gás. 

Esses são apenas alguns dos benefícios que o governo federal aplica para ajudar famílias carentes em todo o país. Vale destacar também o aumento do alcance da isenção do Imposto de Renda, que passou a ser de dois salários mínimos (R$ 2640);Agora, o governo também busca garantir que o valor das contas de luz do país seja reduzido.

Por ser algo fundamental, assim como alimentação, saúde, educação e segurança, a energia elétrica deve sofrer com uma diminuição para a população dessa região específica do país, confira abaixo o que foi estudado.

Conta de luz: como conseguir uma redução no valor final da conta?

Agora, moradores do Rio Grande do Norte (RN) que vivem em estado de vulnerabilidade socioeconômica podem participar do Programa de Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE). Com isso, um cidadão pode obter um desconto de até 65% sobre o valor final da sua conta de energia.

Para isso, é necessário que o cidadão esteja cadastrado no cadastro individual e seus dados atualizados. Além disso, o cidadão receberá esse desconto aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e pode chegar a 65%. Esse recurso é exclusivo para famílias de baixa renda.

Últimas Notícias