19.1 C
São Paulo
quarta-feira, junho 12, 2024
- Publicidade -spot_img

Benefício será liberado mais cedo? Saiba se o Bolsa Família será antecipado nesse mês de agosto

Leia Mais

Alguns rumores estão circulando nas redes sociais de que o pagamento do Bolsa Família será esperado em agosto. Embora não sejam verdadeiras, é possível tentar descobrir como elas foram criadas e começaram a se espalhar.

Primeiro, há uma prática da Caixa Econômica Federal de antecipar transferências programadas de segunda para o sábado imediatamente anterior. Assim, os valores oficialmente programados para cair no primeiro dia da semana geralmente estão disponíveis no primeiro dia do fim de semana.

Além disso, há o fato de que o calendário do Bolsa Família prevê datas diferentes para os pagamentos de dezembro, com o objetivo de fechar todos os depósitos antes do Natal. No entanto, esta exceção aplica-se apenas ao último mês do ano.

Calendário de agosto

Apesar das especulações, o calendário de agosto ainda segue a mesma ordem já conhecida pelos beneficiários e abrange os últimos dez dias úteis do mês. Assim, o vencimento nas contas será liberado entre os dias 18 e 31 do próximo mês.Os aprovados recebem valores na ordem do último dígito do seu Número de Identificação Social (NIS), o que facilita a organização do processo. Verifique as datas de pagamento:

  • NIS final 1: 18 de agosto;
    NIS final 2: 21 de agosto;
  • NIS final 3: 22 de agosto;
  • NIS final 4: 23 de agosto;
  • NIS final 5: 24 de agosto;
  • NIS final 6: 25 de agosto;
  • NIS final 7: 28 de agosto;
  • NIS final 8: 29 de agosto;
  • NIS final 9: 30 de agosto;

NIS final 0: 31 de agosto

Detalhes do Bolsa Família

O maior programa de transferência de renda do país oferece prêmio mínimo de R$ 600 por família e garantia de pelo menos R$ 142 por pessoa. Além disso, oferece adicional de R$ 150 para crianças de até 6 anos e R$ 150 para gestantes e crianças de 7 a 18 anos.

Em julho, o valor médio pago aos beneficiários foi de R$ 684,17, enquanto o número de pessoas atendidas ultrapassou 20,9 milhões.

Para receber os prêmios, a família precisa ter renda mensal de R$ 218 por pessoa, além de estar inscrita no Cadastro Único (CadÚnico). Também é necessário cumprir algumas condições, como garantir a frequência mínima das crianças na escola, manter a vacinação atualizada, entre outras.

Últimas Notícias