17.7 C
São Paulo
domingo, abril 21, 2024
- Publicidade -spot_img

Alerta! Bolsa Família exige atualização de novo documento para os inscritos receber o pagamento

Leia Mais

O Bolsa Família arrecada milhões de beneficiários, pagando o pagamento mínimo mensal de R$ 600 a famílias vulneráveis. Para acessar o programa, é necessário atender a alguns requisitos. Em setembro, um documento deve ser atualizado para garantir o recebimento do direito.

Uma das exigências do governo federal para a liberação do direito é atualizar a carteira de vacinação para crianças que fazem parte do núcleo familiar. Neste mês, o pedido é para entregar o documento.

O processo deve ser feito por meio da atualização do CadÚnico, cadastro que coleta todas as informações domiciliares e é usado pelo governo para identificar as famílias elegíveis para fazer parte do programa.

Como atualizar o cadastro do Bolsa Família?

Esse processo pode ser realizado pessoalmente. Para isso, é necessário que o representante da família leve até a unidade do CRAS (centro de assistência social) mais próxima do seu local de residência com documentos que precisam ser atualizados.

O processo pode ser simplificado online. Para isso, é necessário acessar o aplicativo Meu CadÚnico, disponível para Android e iOS, ou o site de cadastro, disponível neste link.

Se você escolher o portal, precisará seguir estas etapas:

  • Acesse o aplicativo ou site My CadÚnico
  • Em seguida, clique na opção “Spanning Update”
  • Iniciar sessão
  • Insira as informações a serem atualizadas
  • Caso não precise fazer nenhum ajuste, confirme as informações já no sistema
    Selecione a opção “Enviar gravação”

Depois de executar essas etapas, o patrono ainda precisa vir ao módulo CRAS para concluir a atualização. No entanto, ao realizar o procedimento online, é possível agilizar o atendimento.

Assim, ao comparecer ao Centro de Assistência Social, o representante da família precisará levar apenas seu documento de identidade e o enquadramento do programa central dos demais beneficiários do programa.

Por favor, note que este processo de atualização de registro é essencial para aqueles que desejam continuar recebendo o direito. Por meio dele, o governo federal consegue se manter informado sobre as necessidades familiares e a condição socioeconômica dos brasileiros incluídos no programa, o que pode levar à concessão de novos benefícios.

Últimas Notícias