17.7 C
São Paulo
quinta-feira, junho 13, 2024
- Publicidade -spot_img

Atenção! este grupo podem solicitar o adicional de 25% na aposentadoria; Veja como

Leia Mais

Alguns beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) podem contar com mais 25%. Isso é típico dos cidadãos que recebem aposentadorias por invalidez. Quando eles precisam de ajuda com atividades diárias básicas, eles podem solicitar o recurso adicional para pagar pelo assistente. Veja como funciona.O direito a um adicional de 25% é uma forma de permitir que o segurado pague ao responsável pelos cuidados e assistência permanente do beneficiário.

Mais 25% para este grupo

O pagamento adicional de 25% no valor do benefício de aposentadoria por invalidez se aplica àqueles que dependem da ajuda de outra pessoa com coisas simples, mas cotidianas. Por exemplo: comer, tomar banho e realizar todas as outras necessidades básicas. O extra é pago considerando que muitas famílias de baixa renda precisam deixar uma pessoa específica em casa para acompanhar quem é deficiente.

Em muitos casos, uma pessoa precisa deixar uma fonte de renda, como um emprego remunerado, para se dedicar a cuidar do membro da família que recebe uma pensão de invalidez. Portanto, esse recurso pode e deve ser solicitado por todos aqueles que dependem do cuidador. Outros 25% devem ser encomendados ao INSS. Uma opção é inserir o aplicativo junto com a perícia médica.Os beneficiários que não estavam familiarizados com o recurso adicional de 25% podem solicitá-lo mesmo depois de passar a experiência. O pedido deve ser feito pelo INSS pelo telefone 135, no site ou no aplicativo Meu INSS.

Entre as doenças que dão direito a mais 25%, estão: Cegueira total. Perda de paralisia dos dedos das extremidades superiores ou inferiores; perda de membros inferiores e alguns outros.

O dinheiro é pago ao beneficiário que depende de cuidados adicionais, não ao cuidador ou membro da família responsável. Em caso de morte do beneficiário, a pensão por morte não inclui um adicional de 25%.

Deixe sua resposta

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias