21.5 C
São Paulo
domingo, abril 14, 2024
- Publicidade -spot_img

R$ 20 mil? Confira se realmente essa moeda de R$ 1 das olimpíadas vale tudo isso

Leia Mais

Recentemente, vídeos no TikTok causaram polêmica ao afirmar que uma moeda de US$ 1, apelidada de “perna de pau”, poderia valer incríveis US$ 20 mil para colecionadores. Esses vídeos, postados por entusiastas de moedas, mostram moedas especiais que serão bilateralizadas e, portanto, muito valiosas. No entanto, especialistas em câmbio alertam para uma realidade completamente diferente.

O fenômeno no TikTok ganhou força com hashtags como #moedarara, que conquistou milhões de visualizações, e #numismatica_hobby, que alcançou quase 100 milhões de visualizações.

Por exemplo, o vídeo mais popular sobre o assunto, com mais de um milhão de visualizações, mostra Roberto Alves de Sousa, que se autoproclamou “um dos maiores colecionadores de moedas raras do Brasil”, afirmando que uma moeda de “perna de pau” pode valer uma fortuna desde que seja bi facetada.

Casa da Moeda nega rumores

Explicação do termo, bifacial significa que ambos os lados da moeda devem ser idênticos, o que acontecerá se houver um erro na moeda durante a produção. No entanto, a Casa da Moeda, responsável pela emissão de moedas no Brasil, refuta essa possibilidade, lembrando que todas as moedas possuem aspectos distintos, com artes próprias.

De acordo com a fundação, não é razoável que moedas com lados idênticos sejam oficialmente produzidas. A moeda em questão faz parte da Coleção Comemorativa dos Jogos Olímpicos de 2016 e foi emitida em homenagem ao atletismo paraolímpico. No entanto, informações sobre sua suposta versão bifacial são rejeitadas pela Casa da Moeda.A empresa garante que todas as etapas de produção sejam rigorosamente controladas por especialistas, o que torna impossível criar moedas com erros tão óbvios.

Erros de moeda antiga

Embora as moedas já tivessem sido equivocadas, até 2012, a Casa da Moeda fez mudanças para evitar tais equívocos. Isso fez com que moedas defeituosas se tornassem itens colecionáveis, como uma moeda de US$ 0,05 emitida semelhante a uma moeda de US$ 0,50. Embora essas moedas não sejam classificadas como raras, elas são consideradas raras devido à sua circulação limitada.

Como avaliar moedas colecionáveis

Para determinar o valor das moedas colecionáveis, os especialistas sugerem consultar catálogos de moedas, levando em conta fatores como escassez, status de preservação e possíveis erros de moeda original. A busca por moedas preciosas é uma ótima atividade, mas é necessário separar fato de ficção ao explorar o mundo das moedas.

Últimas Notícias