Último dia para as inscrições do AUXÍLIO-TAXISTA no valor de R$ 1 mil; Saiba mais.


Faltam apenas algumas horas para o término do prazo para enviar informações aos taxistas sobre o recebimento do programa de assistência ao táxi. De acordo com informações do Ministério do Trabalho, os municípios precisam enviar dados dos trabalhadores até as 19h desta terça-feira (2), para que a pasta possa implementar o processo seletivo.


Inicialmente, o Ministério do Trabalho concordou com os municípios em um período mais curto de transmissão de dados. Eles explicaram que não receberiam a informação até a noite do último domingo (31). No entanto, muitos prefeitos não conseguiram enviar nada e reclamaram do "curto prazo". Então a pasta decidiu estender o gráfico até hoje.


Além dessa atual janela de embarque, o Governo Federal já concordou com os municípios que uma nova rodada deve ser aberta nas próximas semanas. Portanto, as administrações municipais que não enviarem documentos agora podem enviá-los mais tarde. De qualquer forma, os departamentos que não enviarem neste primeiro momento atrasarão os pagamentos aos seus taxistas.


Sou taxista.

Não. Em nota técnica emitida há duas semanas, o Ministério do Trabalho explicou que o processo de envio de informações inclui apenas prefeituras e pastas. Então, pelo menos na tese os taxistas não têm que se preocupar com nenhum tipo de registro. Espere até o Ministério da Nacionalidade escolher seu nome.


Seja assim, uma dica importante é entrar em contato com sua prefeitura. Nos últimos dias, algumas administrações municipais pediram aos motoristas que atualizassem seus dados antes de enviá-los ao ministério. Ao entrar em contato com o governo local, o cidadão pode entender se precisa fazer alguma coisa, ou se basta esperar a decisão do ministério.


O Congresso Nacional aprovou a assistência de táxi em julho passado. O projeto faz parte do grupo de benefícios da PEC, texto que prevê a liberação de R$ 41 bilhões para o governo federal neste segundo semestre.


Ainda não há um número específico de usuários auxiliares de táxi. O executivo ainda não coletou todas as informações das províncias. Como mencionamos, o processo de transmissão de dados não acabou e deve durar mais alguns dias.


Sem saber o número exato de usuários, você também não pode saber quanto pagamentos você está fazendo. O governo trabalha com a possibilidade de pagar R$ 1.000 por mês até o final deste ano, mas o saldo ainda precisa ser definido.


Calendário

Mesmo antes de o valor do auxílio-táxi ser confirmado, o governo federal já estabeleceu um cronograma para o pagamento do projeto. De acordo com informações oficiais, a primeira liberação ocorrerá já em 16 de agosto. Veja abaixo:


Primeira parcela: 16 de agosto

Segunda parcela: 16 de agosto

Parcela 3: 24 de setembro

Parcela 4: 22 de outubro

Parcela 5: 26 de novembro

Parcela 6: 17 de dezembro


O Governo também anunciou que os taxistas selecionados poderão transferir recursos do programa através da Caixa Tem. É o mesmo sistema já utilizado em benefícios como o auxílio brasileiro e o vale-gás nacional.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem