Novas fotos da VW Amarok 2023 revelam seu design arrojado e muita tecnologia. Veja a data que chega ao Brasil

Imagem: Reprodução/Google


O fim do quebra-cabeça. Depois de uma longa série de bustos e anúncios de suspense, a Volkswagen apresentou oficialmente a nova Amarok. A pick-up de segunda geração foi desenvolvida em colaboração com a Ford Ranger e só será fabricada na fábrica da marca alemã na África do Sul.


Pelas imagens, fica claro que a nova Amarok não lembra de forma alguma a geração anterior, que está no mercado desde 2010. A parte frontal possui um potente para-choque "X" e faróis LED full pointed (com tecnologia de QI). Light), de acordo com a linha de design da Volkswagen. O corpo também está cheio de rugas no capô, portas, caixas de rodas e na cobertura do aquário.


Volkswagen Amarok 2023


A Amarok está instalada na mesma plataforma Ranger, com 5,35 metros de comprimento, e é apenas 2 cm menor que a rival da Ford. No entanto, os dois dividem a mesma distância entre-eixos de 3,27 m - exatamente 17 cm maior que a geração anterior.


Imagem: Reprodução/Google


Imagem: Reprodução/Google


Em termos de capacidade de carga, a caçamba do novo caminhão Volkswagen pode transportar de 1000 kg a 1600 kg. Ele também pode puxar até 3.500 kg e o telhado foi projetado para suportar 350 kg.


A segunda geração da Amaroc terá uma opção de motor 2.0 turbo diesel de 150 cv ou 170 cv. Haverá também uma variação de dois turbos para este propulsor, com potência de 209 cv. O motor 3.0 V6 Turbodiesel, com opções de 241 cv ou 250 cv, também estará disponível, de acordo com o mercado. O Volkswagen Tapim poderá usar o motor a gasolina EcoBoost 2.3 da Ford, que gera 298 cavalos de potência.


A Amarok terá a opção de troca manual. As configurações com transmissão automática podem desfrutar de um câmbio de 10 marchas, deixando de lado uma boa transmissão automática de 8 velocidades. A tração também pode ser parte integrante do 4Motion, de acordo com a versão. As imagens mostram o seletor de tração dentro, com 4 × 2 e opções reduzidas, por exemplo.


O interior também merece atenção especial. Completamente renovado, tem uma grande modernidade na central multimídia com uma tela vertical com o melhor modelo Vyat Toro, que pode ser de 10 ou 12 polegadas. O painel de instrumentos também é completamente novo e digital (é hora). O volante multifuncional é o mesmo dos modelos da família elétrica da Volkswagen, ID, e também possui botões de controle de velocidade adaptativos (ACC), item nunca ouvido em uma pick-up.


O console central também foi completamente redesenhado, com uma nova alça de interruptor. Ar-condicionado digital, freios eletrônicos de espera, carregamento também está disponível por indução de celular (carregador sem fio). O sistema de som premium de Harman-Kardon.


Você vem para o Brasil?


Se você, como nós, está encantado com a nova Amarok e mal pode esperar para comprar seu carro para andar no Brasil, você pode tirar seu cavalo da chuva. A minivan volkswagen de segunda geração será produzida apenas na África do Sul e terá grandes mercados na Austrália e alguns países da Europa. Espera-se que os Estados Unidos recebam o total também.


O Brasil continuará com a atual geração da Amarok, que em breve passará por uma pequena reformulação e continuará sendo importada da Argentina, onde atualmente é fabricada.


A nova geração da Ford Ranger, que serviu de base para o novo Amaruk, será comercializada no Brasil. Foi confirmado para lançamento para 2023.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem