Nova assistência emergencial para taxistas está sendo preparada pelo Governo Federal; Veja detalhes


O Governo Federal está focado em prestar nova assistência aos profissionais mais afetados pelo aumento dos preços dos combustíveis. Além de um recurso para os caminhoneiros, o plano é criar uma mesada mensal para os taxistas.


O auxílio é prestado aos taxistas no texto, que também aumenta o auxílio brasileiro para R$600 e o vale-gás nacional para cerca de R$120. É a principal aposta do presidente Jair Bolsonaro para aumentar sua popularidade neste ano eleitoral.


Auxilio taxistas


A criação de um programa de patrocínio para esse grupo de profissionais é uma antiga tentativa do senador Eduardo Braga, que ainda não obteve sucesso. Esse procedimento foi incluído na chamada PEC ou PEC da Ajuda eleitoral, mas com algumas mudanças em relação ao regime inicialmente.


Originalmente, Braga propôs o pagamento de parcelas mensais de R$300. Os transportes também incluirão motoristas de aplicativo, bem como pequenos motoristas de barco e motociclistas que transportam passageiros e créditos.


No entanto, o relator da PEC 1/2022, senador Fernando Pizzera Coelho, fez algumas alterações no texto original para incluir a assistência na PEC. Além de limitar os juros apenas aos taxistas, o valor destinado ao projeto é de R$ 2 bilhões, o que deve deixar prêmios em casa no valor de R$200.


Os beneficiários serão selecionados pelo Ministério da Nacionalidade, com base nos registros desses profissionais nas províncias. A PEC também coloca a Caixa Econômica Federal como um banco responsável pelas transferências.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem