Veja como pedir até R$1.000 reais de empréstimo no aplicativo do Caixa Tem com a nova modalidade.

Imagem: Reprodução/Google



A nova modalidade de empréstimo foi lançada no dia 28 de março pela Caixa Econômica Federal, por meio do aplicativo Caixa Tem. Mais de 900 mil contratos já foram feitos por meio do Microcrédito Digital para Empreendedores (SIM Digital).


As pessoas físicas que desejam iniciar o empreendimento podem contratar valores de R$ 300 a R$ 1.000 por meio da modalidade, com taxas de juros de 1,95 reais por mês.


Para quem atua como Microempreendedor Individual (MEI), ou seja, pessoas jurídicas, poderão estar contratando valores entre R$ 1.000 e R$3.000, com juros a partir de 1,99% ao mês.

 

Pessoas negativas podem solicitar o empréstimo?


Em ambas as casas o parcelamento é de no máximo 24 meses. Além disso, de acordo com as condições definidas pela Portaria nº 660. Mesmo quem tem nome sujo (com o nome negativo) em órgãos de proteção ao crédito, como SPC e Serasa, também pode solicitar crédito.


Vale ressaltar que para o acesso aos recursos para pessoas físicas, é preciso estar interessado em se tornar um empreendedor autônomo, mesmo que seja informal. No caso do MEI, você deve ter pelo menos 12 meses de atividade para solicitar o empréstimo.


Qual é o procedimento para solicitar o empréstimo?


A modalidade para fazer a solicitação muda de acordo com cada grupo de candidatos. Ver:


Em casos de empreendedores - Pessoas Físicas

Para pessoas físicas, o empréstimo pode ser solicitado através do aplicativo Caixa, para fazer essa solicitação o aplicativo precisa ser atualizado em sua versão mais recente.


O contratante também precisa atualizar o cadastro no aplicativo, o que você faz pela opção "Atualize seu Cadastro". Esse processo pede que sejam enviados os documentos, como documento com foto, selfie, comprovante de endereço e renda.


Depois de realizar a atualização, você pode ir à opção para iniciar o processo de solicitação de empréstimo.
Para a análise da aplicação, pode levar até uma semana.


Nos casos de Microempreendedor Individual – MEI (com CNPJ)


No caso de MEIs, no início da empresa, o contrato deve ser feito exclusivamente nas agências da Caixa Econômica Federal. É necessário que o candidato apresente durante a inscrição o comprovante de endereço e documentos pessoais da empresa. O que são eles:


Certificado da Condição de Microempreendedor Individual (CCMEI);


DASN SIMEI do último exercício encerrado;

Recibo de entrega. Este é o documento de faturamento MEI, que comprova que você fez a Declaração Anual até 31 de maio de cada ano.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem