FGTS: saiba quem poderá sacar até R$ 1 mil do fundo depois do feriado de Páscoa

 

Imagem: Reprodução/Google


O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, FGTS, é o fundo criado com o objetivo de apoiar o trabalhador demitido sem justa causa, mediante a abertura de uma conta vinculada ao contrato de trabalho. Funciona de tal forma que, no início de cada mês, os empregadores depositam 8% do valor total correspondente ao salário de cada trabalhador em uma conta aberta na Caixa Econômica Federal.


No entanto, o governo liberou um saque extraordinário no valor de até R$ 1.000, que começa em 20 de abril e se estende até 20 de junho.


Como funciona?

O saque extraordinário ocorrerá apenas uma vez e levará em conta o saldo disponível na data da realização da dívida na conta do Fundo de Garantia, com limite de até R$ 1.000 por trabalhador.


Além disso, se o titular tiver mais de uma conta do FGTS, o saque é realizado na seguinte ordem: em princípio, as contas referentes aos contratos de trabalho extintos, iniciadas pela conta que tem o saldo mais baixo, depois as demais contas, começando também pela que tem saldo menor.


Como se movimentar?

A retirada extraordinária será feita em uma conta poupança digital, que tem o trabalhador como titular. Logo, após a liberação, os valores já estarão disponíveis para pagamento de boletos e contas.


O valor também pode ser repassado para outra conta da Caixa Econômica Federal ou de qualquer outro banco.
O trabalhador também pode fazer transações através do PIX ou fazer saídas nos terminais de atendimento do caixa, ou na lotérica.


Meios de serviço

Ainda para quem tem algum tipo de dúvida relacionada a essa recessão emergencial, o aplicativo do FGTS, o site do governo e as agências da Caixa Econômica podem atender e resolver problemas. Para consultar o valor e a data do crédito, solicitar a devolução do valor e solicitar outras perguntas muito frequentes, o meio mais fácil é acessar o aplicativo que a Caixa Possui.


Calendário de pagamentos

Os pagamentos começarão em 20 de abril e se estenderão até 20 de junho, dependendo da data de nascimento do trabalhador, confira o calendário:


Nascidos em janeiro recebem em 20/04;

Nascidos em fevereiro recebem em 30/04;

Nascidos em março recebem dia 04/05;

Nascidos em abril recebem em 05/11;

Nascidos em maio recebem em 14/05;

Nascidos em junho recebem em 18/05;

Nascidos em julho recebem em 21/05;

Nascidos em agosto recebem em 25/05;

Nascidos em setembro recebem em 28/05;

Nascidos em outubro recebem dia 01/06;

Nascidos em novembro recebem dia 08/06;

Nascidos em dezembro recebem dia 15/06


Além disso, vale ressaltar que também no feriado o saque estará disponível para ser feito, já que acontece virtualmente.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem