FGTS: Confira como consultar se você tem direito ao saque-extraordinário

Imagem: Reprodução/Google



O crédito dos valores do FGTS acontece por meio de uma conta poupança social digital, a Caixa Tem. A partir de 20 de abril, será possível consultar os valores e as entregas serão permitidas até 15 de dezembro.


Os trabalhadores já podem consultar se têm direito a receber o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) de até R$ 1.000, além dos valores e datas para receber o dinheiro. As consultas ocorrem diretamente no site da Caixa Econômica Federal, por meio de uma versão atualizada do aplicativo do FGTS ou mesmo nas agências da Caixa.


Enquanto isso, alguns usuários relataram que estão tendo dificuldades para acessar o aplicativo, que segundo a Caixa Econômica Federal, o serviço chegou a ser normalizado. Por meio da consulta pelo site do FGTS, foi possível identificar se o trabalhador tem ou não direito ao saque extraordinário do FGTS.


Aplicativo do FGTS recebeu versão atualizada


Desde a última sexta-feira (8), o aplicativo do FGTS recebeu uma versão atualizada e além da consulta através do aplicativo, é possível verificar informações diretamente nas agências da Caixa Econômica Federal. De acordo com as informações, é possível consultar o valor a ser creditado e a data de crédito que aparece na Poupança Social Digital.


O dinheiro depositado nas contas do FGTS refere-se a cada trabalhador com carteira assinada e que só pode ser sacado em algumas situações específicas, como demissão sem justa causa, o que pode acontecer durante a compra da casa própria ou na aposentadoria.


No mês passado, o Governo Federal publicou uma nova Medida Provisória que libera a comissão extraordinária. Através do site da Caixa Econômica Federal, informando o número do NIS (PIS/PASEP), que consta na Carteira de Trabalho ou em declaração antiga que o trabalhador possui em posse, além de utilizar senha cadastrada pelo próprio trabalhador.


Caixa Econômica divulga valor que será pago aos trabalhadores que têm direito ao Fundo


O aplicativo pode ser baixado gratuitamente para dispositivos móveis iOS e Android. Segundo o comunicado da Caixa Econômica Federal, em breve serão liberados cerca de R$ 30 bilhões para aproximadamente 42 milhões de trabalhadores que hoje têm direito ao saque.


Os pagamentos do fundo de garantia começarão em 20 de abril e se estenderão até 15 de junho, sempre de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. Os primeiros a receber serão os nascidos em janeiro, já em 20 de abril. Dessa forma, o período de decolagem se estenderá até 15 de dezembro.


Vale ressaltar que quem tem conta ativa ou inativa do FGTS poderá fazer o saque. Caso o titular da conta tenha mais de uma conta, a organização para realizar o somatório prosseguirá da seguinte forma: acima de tudo, as contas referentes aos contratos de trabalho que foram rescindidos, começando pela conta com

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem