Auxílio Federal; Governo vai anunciar entrega de absorventes GRATUITAMENTE para mulheres.

Imagem: Reprodução/Google

O Governo Federal está atualmente trabalhando em um novo Auxílio para a população carente. Segundo informações oficiais, a ideia agora é trabalhar na distribuição de absorventes para mulheres que estão em situação de vulnerabilidade neste momento no Brasil. Pelo menos é o que se sabe até agora.


A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, disse isso. Segundo ela, o Planalto estaria trabalhando nesse projeto há algum tempo. Ainda segundo o chefe da pasta, a ideia é construir o projeto junto com membros do Congresso Nacional.


"Assegurei ao parlamentar que nos próximos dias anunciaremos o programa do governo federal para a distribuição de tampões para mulheres em situação de vulnerabilidade. A ação tem sido debatida há meses dentro do governo", disse a ministra em sua conta oficial no Twitter esta semana.


O deputado a quem ela se refere é Roberto de Lucena (Podemos-SP). Ele estaria disposto a ajudar a aprovar este projeto. Toda essa discussão está acontecendo dias após o presidente Jair Bolsonaro vetar um trecho de uma lei aprovada no Congresso que permitia a distribuição desses absorventes a mulheres carentes.


Toda essa discussão causou um grande burburinho nas redes sociais. Logo após o veto, Damares chegou ao ponto de dizer que a prioridade agora não eram os absorventes, mas a vacina contra o Covid-19. Diante da pressão em torno deste discurso, ela mudou sua visão e disse que o Governo está trabalhando na entrega desses materiais e não para que a vacina deixe de ser uma prioridade.


Discussão sobre absorventes

Como dito, toda essa situação gerou uma grande discussão nas redes sociais. O deputado Junio Amaral (PSL-MG) questionou governos anteriores sobre esse projeto. "Quantos absorventes grátis o PT distribuiu em 13 anos de governo?", perguntou.


Ele já assou R$ 5,8 milhões no cartão corporativo só este ano, mas não quer distribuir absorventes para mulheres pobres. Esse é Jair Bolsonaro", disse o deputado Marcelo Freixo (PSB-RJ).


Alguns parlamentares estão dizendo que vão derrubar o veto de Bolsonaro a essa distribuição. Em entrevista, ele disse que, se isso acontecer, ele vai tirar dinheiro da saúde e da educação para poder arcar com o pagamento dos produtos.


Na verdade, as falas de Bolsonaro e Damares não é possível saber qual será a posição do Governo Federal sobre o assunto. É que um deles afirma que haverá um projeto, os outros afirmam que não há como pegar mais dinheiro. Agora está esperando para saber o que vai acontecer.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem