Dataprev abre um novo prazo para contestação do novo auxílio emergencial negado.

Imagem: Reprodução/Google

Auxílio emergencial abre nova chamada para contestação. A Dataprev acaba de convocar a população para tentar acesso na folha orçamentária do benefício. A solicitação de revisão já está disponível na internet, podendo ser feita apenas por um grupo específico.


Enquanto a Caixa Econômica Federal otimiza o pagamento da quarta parcela do auxílio emergencial, o governo federal acaba de abrir no novo período para contestação.


Poderá participar da revisão aqueles beneficiários que tiveram o pedido negado ao longo dos últimos meses, porém foram contemplados em 2020.


A previsão é de que cerca de 30 mil novos benefícios sejam consolidados, com direito a receber a mensalidade de julho a outubro. Ao todo, estão sendo ofertadas 7 parcelas pelo projeto, com valores que variam entre R$ 150 e R$ 375.


É válido ressaltar que o prazo da contestação é até 24 de julho. Além disso, aqueles que já fizeram uma revisão anteriormente e foram recusados não serão aceitos.


Como fazer a contestação?

Para tentar entrar no programa é preciso acessar a página da Dataprev e informar dados pessoais, como CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento.Depois, confirme os registros acima e aguarde o recebimento da mensagem como “inelegível”. Na sequência, clique na aba abaixo em “contestar” e aguarde a atualização do site para validar seu pedido.


Calendário da quarta parcela do auxílio emergencial para o público geral

Imagem:Fdr


Para mais informações sobre o projeto, acesse nossa página exclusiva do auxílio. Por meio dela você tem acesso as atualizações de pagamentos, informes sobre aplicativos, valores e mais.


Há ainda informações em nosso canal do Youtube, onde é possível conferir os tutoriais de uso do app Caixa Tem.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem