Dataprev abre novo prazo de contestação do auxílio emergencial negado; Veja o passo a passo como contestar.

Imagem: Reprodução/Google

O Governo Federal incluiu mais 106 mil beneficiários no auxílio emergencial 2021. Com isso, eles receberam as três primeiras parcelas de uma só vez. Aqueles que não tiveram a solicitação aprovada têm até o próximo sábado (3) para fazer a contestação do auxílio emergencial.


A consulta da lista dos aprovados no novo lote do auxílio emergencial pode ser feita no site do Ministério da Cidadania. 106.011 pedidos de reanálise foram aprovados no último lote. Com isso, os nascidos de janeiro a julho receberam as três parcelas na última sexta-feira (25).



Os outros contemplados receberão conforme o cronograma de pagamento da terceira parcela do auxílio emergencial. Dessa maneira, terão o valor disponibilizado na conta Poupança Social Digital até o dia 30 de junho.

A aprovação para as três primeiras parcelas não garante o recebimento da 4ª parcela. Segundo o Ministério da Cidadania esses novos beneficiários passarão por nova análise para confirmar se estão dentro dos critérios exigidos para o recebimento do auxílio emergencial 2021:


  • Ser trabalhador informal; ou
  • Beneficiário do Bolsa Família;
  • Ter renda familiar mensal de até três salários mínimos (R$ 3.300);
  • Ter renda familiar per capita mensal de até meio salário mínimo (R$ 550);
  • Ter recebido o auxílio emergencial no ano passado.

O Ministério informou também informou que 2 mil requerimentos serão analisados pela pasta e pela Dataprev. Com isso, será divulgado um novo lote nos próximos dias que poderá ser consulta no site do Ministério da Cidadania.


Contestação do auxílio emergencial

Os cidadãos que tiveram o benefício negado no ultimo lote podem solicitar a contestação do auxílio emergencial até o dia 3 de julho. A contestação deve ser feita no site ad Dataprev, precisando estar em mãos com alguns dados. Veja abaixo o passo a passo:


  • Acesse o site da Dataprev;
  • Informe o número do CPF, nome completo, nome da mãe completo e a data de nascimento (caso não tenha no registro o nome da mãe, basta marcar na opção “Mãe desconhecida”);
  • Clique em “ENVIAR”;
  • Ao entrar no sistema, basta clicar na opção “Solicitar contestação”;
  • Ao clicar, aparecerá uma mensagem de confirmação;
  • Em seguida, a contestação é automaticamente enviada ao Dataprev.
  • Dataprev abre novo prazo de contestação do auxílio emergencial negado

No campo “Saiba mais” é possível saber qual o motivo para o indeferimento do benefício. Não uma data definida para a divulgação do resultado da contestação. Por esse motivo, é importante está atento às informações divulgadas pelos órgãos competentes.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem