Novo Golpe no WhatsApp utiliza de falsa cobrança de boleto para atrair vítimas.

Imagem: Reprodução/Google

Os usuários da plataforma de mensagens instantâneas – WhatsApp – devem redobrar sua atenção ao novo golpe que circula na plataforma. Conforme divulgado pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), os criminosos passam por funcionários do órgão e enviam boletos falsos de coleta a serem pagos pelas vítimas.


O golpe funciona da seguinte forma: os estelionatários enviam os documentos via WhatsApp e oferecem ótimos descontos nos valores reais das parcelas.

A justificativa utilizada para a redução é a pandemia causada pela pandemia coronavírus, que permite melhores condições de pagamento para quem participa do programa.


A desculpa usada para justificar o atendimento por uma conta pessoal via WhatsApp é que a empresa tem suas estações presenciais fechadas e o call center inoperante devido à pandemia. O que não é verdade.


Alerta CDHU

A CDHU esclarece que o call center nunca deixou de funcionar durante todo o período de pandemia. Em relação aos escritórios regionais, possuem regras específicas de atendimento presencial.


A empresa ressaltou que não envia boletos de coleta via WhatsApp. Além disso, reafirmou que não solicita nenhum tipo de depósito, transferência bancária ou Pix para pagamento desses tipos de documentos ou quitação de dívidas via WhatsApp.


Quando emitidos pela CDHU, os códigos de bilhetes começam em 104 ou 0001, uma vez que são gerados pela Caixa Econômica Federal ou Pelo Banco do Brasil, respectivamente. Por fim, a empresa afirmou que também sempre usa e-mails oficiais em sua comunicação com o consumidor, como @cdhu.sp.gov.br ou @apoiocdhu.sp.gov.br, ao contrário do gmail, hotmail, ig e outros.