Ministro Guedes defende elevar o valor do Bolsa Família após o novo Auxílio Emergencial .

Imagem:Google

Os beneficiários do Bolsa Família poderão receber mais pelas parcelas, isso porque o ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende criar um fundo com recursos de empresas estatais para bancar a ampliação do benefício. Nesta quinta-feira, 25, em audiência no Senado, o ministro propôs a criação do “Fundo Brasil”.


Segundo ele, a arrecadação aconteceria por meio da venda da estatais deficientes e também de dividendos de empresas públicas que dão lucros. “Imaginem que nós tenhamos esse Fundo Brasil, que nós separemos lá os ativos que dão retorno ou os que vão ser vendidos e coloquemos isso nesse Fundo Brasil”, disse Guedes.


Volta do Renda Brasil?

O ministro voltou falar sobre o Renda Brasil, programa de substituição do Bolsa Família que estava em estudo pelo governo no ano passado, mas que não foi pra frente. Segundo ele, o programa poderia ser uma forma mais robusta que deve permitir aumento de valores do Bolsa Família.


Sobre a obtenção de recursos usando o caixa das empresas públicas, Guedes afirmou ser necessário que a população se sinta donas das estatais.
“Isso faz com que o povo sinta que as estatais são dele. Isso é patrimônio do povo brasileiro. Já está na hora de isso chegar ao povo brasileiro direto, sem intermediários. O dinheiro tem de chegar aos mais pobres. Então, vamos robustecer os programas sociais com isso”, afirmou o ministro.