Atenção! O novo limite de pontos da CNH faz parte da Lei nº 14.071, aprovada e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro; Confira

Imagem:Google

A partir de abril, a tolerância à suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) aumentará devido a mudanças no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Entre as mudanças, o motorista pode acumular até 40 pontos no documento antes de ser perdido, por exemplo.


Atualmente, o total acumulado é de 20 no período de 12 meses. Quando esse limite é excedido, o motorista fica com o direito de dirigir suspenso. Casos de infrações gravíssimas geram 7 pontos, graves 5 pontos, médias de 4 pontos e luz 3 pontos.


Pontos CNH

O novo limite de pontos da CNH faz parte da Lei nº 14.071, sancionada e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).
Com previsão de efeito a partir do próximo mês, o motorista deve seguir a seguinte contagem de pontos:


  • Se houver 2 ou mais infrações gravíssimas na pontuação - 20 pontos;
  • Se houver uma infração gravíssima na pontuação - 30 pontos;
  • Se não houver infração gravíssima na pontuação – 40 pontos.

Importante: se o motorista for pago ao veículo, a penalidade por suspensão do direito de dirigir só será imposta quando o infrator atingir o limite de 40 pontos, independentemente da natureza das infrações cometidas.


Neste caso, os cursos de atualização preventiva serão oferecidos sempre que 30 pontos forem alcançados dentro de 12 meses.


Mas, afinal: Quando eles ganham os pontos da CNH?

Conforme explica o Detran SP, os pontos adquiridos, após 12 meses da data da adoção, perdem sua efetividade para fins de suspensão. Portanto, se o motorista não atingir o limite legal de pontuação dentro desse período, não há restrição ou qualquer tipo de lesão à CNH.


Somente no caso de infrações auto-suspensivas, como dirigir sob influência de álcool, tira o direito imediato do motorista de dirigir. Neste caso, as infrações só saem dos prontuários após o cumprimento das penalidades impostas pelas leis regulamentares.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem