Pagamento do PIS/Pasep começa em 2021 com o novo reajuste de valor. Veja quanto receber.

Imagem: Google

O aumento do salário mínimo de R$ 1.045 para R$ 1.100 este ano terá impacto no valor de diversos benefícios, como o abono PIS/Pasep que libera o piso nacional como valor máximo.

Esse valor é destinado a quem trabalhou formalmente os 12 meses do ano, uma vez que quem trabalhou pelo menos 30 dias recebe a proporcional de 1/12 do mínimo.


O valor pago está relacionado ao tempo trabalhado no ano anterior. O aumento esperado do PIS/Pasep para este ano é de R$ 55. Como a decisão do governo federal sobre o salário mínimo deve sair em janeiro deste ano, o piso reajustado e o pagamento do abono já devem entrar em vigor a partir do calendário de fevereiro.


O que é PIS/Pasep?

O PIS/Pasep são siglas que se referem a dois programas sociais que funcionam de forma semelhante, ambos são liberados para trabalhadores de baixa renda, o PIS é destinado a trabalhadores do setor privado e pago pela Caixa Econômica Federal, e o Pasep é pago pelo Banco do Brasil aos servidores públicos.


Quem pode receber o PIS/Pasep?

Para receber o PIS/Pasep em 2021, as regras são as mesmas dos anos anteriores, confira os critérios abaixo:


  • Ter trabalhado pelo menos 30 dias em 2020 (consecutivos ou não);
  • Ter recebido, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada em 2020;
  • Estar com os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais); E
  • Estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos.

Calendário PIS/Pasep

O calendário de pagamento dos benefícios leva em conta o mês de nascimento dos beneficiários (no caso do PIS) e o número final de inscrição (no caso do Pasep). Valores do PIS/Pasep pagos gradualmente aos trabalhadores durante o ano.


Para ter mais informações sobre o abono do PIS, o trabalhador pode entrar em contato com a central de atendimento da Caixa pelo telefone 0800-726-0207 ou acessar o www.caixa.gov.br/PIS.


O Pasep deve ser depositado automaticamente na conta do servidor público pelo Banco do Brasil. Caso isso não aconteça, é necessário buscar informações em uma agência do BB ou entrar em contato conosco pelos telefones: 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800-729-0001 (demais cidades).