13° salário do INSS ainda será antecipado em 2021? Veja

Imagem:Google

Em 2020, o governo antecipou o pagamento do 13º salário para os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), com a intenção de movimentar a economia.

Este ano, o pagamento também pode ser antecipado após o decreto nº 10.410 publicado no Diário Oficial da União (DOU)


A primeira parcela deve ser paga em agosto, na qual 50% do benefício será depositado e a segunda parcela será paga em novembro com os 50% restantes.


Quem pode receber o 13º adiantamento no INSS?

  • Auxílio-doença;
  • Auxílio a acidentes;
  • Aposentadoria;
  • Pensão por morte;
  • Auxílio de reclusão;
  • Salário maternidade.
  • Fim do auxílio emergencial

Por causa do fim do pagamento do auxílio emergencial, aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) poderão receber antecipadamente seu 13º salário.


Se houver uma nova onda de coronavírus, a equipe econômica de Jair Bolsonaro tem um plano de contingência.


O plano permite a antecipação do 13º salário para o segurado. Além disso, o pagamento do abono salarial pode ser liberado, que é como se fosse um 14º salário pago aos trabalhadores que ganham até 2 salários mínimos.


Quando receberei meu salário mensal?

Os segurados podem saber as datas de pagamento do benefício ao longo do ano, correspondentes às datas que precisarão ir às agências bancárias para sacar os valores.


O calendário vai de acordo com o valor que será recebido e o número final do benefício, sem levar em conta o dígito. Portanto, se o número for 123.456.789 – 0, desconsidere o 0 que é o dígito, o número final é 9.


Primeiro recebem beneficiários que ganham até um salário mínimo, que hoje está no patamar de R$ 1.100.


Aqueles que ganham mais do que o piso nacional, recebem em datas diferentes. Se o dia do pagamento cair em feriado, o depósito será feito no próximo dia útil.


Outras mudanças na lei

O decreto também propõe que os segurados sejam adicionados à categoria de contribuinte individual como:


  • Motoristas de aplicativo;
  • Artesãos;
  • Representantes;
  • Empregados com contrato de trabalho intermitente.

Além disso, a lei pode abranger trabalhadores domésticos, que podem solicitar auxílio-acidente. A última mudança é no salário família, que receberá uma cota de R$ 48,62.