Antecipação do 13º salário do INSS em duas parcelas é confirmada; Confira!

Imagem: Google

A partir deste ano, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começará a antecipar em duas parcelas o pagamento do 13º salário de aposentados e pensionistas.

A medida foi autorizada pelo Decreto nº 10.410, publicado no Diário Oficial da União (DOU), em 1º de julho de 2020.


A antecipação das parcelas em 2020 foi efetuada para mitigar os impactos causados pela pandemia Covid-19.


Com o novo decreto, o objetivo é ampliar a nova opção para outros anos, sem a necessidade de o governo federal divulgar o avanço.


13º salário do INSS 2021

Os pagamentos das parcelas do 13º salário do INSS 2020 foram feitos entre o final de abril e o início de junho do ano passado.
De acordo com o calendário oficial do INSS, o abono natalino deve ser pago no final do ano, mesmo que a primeira parcela tenha sido depositada em agosto.


Agora em 2021 e nos próximos anos, a primeira parcela do 13º salário do INSS será creditada em agosto com valor referente a 50% do benefício. O restante do saldo virá na segunda parcela, paga em novembro.


Com a mudança, aposentados e pensionistas do INSS receberão as parcelas do 13º salário junto com o salário ou benefício do mês correspondente.


A antecipação incluirá quem recebe aposentadoria, pensão por morte, salário maternidade, auxílio-doença, auxílio-acidente e auxílio-reclusão.