Liberado microcrédito de até R$ 20 mil no Sebrae; Saiba como solicitar

Imagem: Google

Microempreendedores formais e formais agora podem contar com uma linha de microcrédito para investir em seus negócios.

Esse grupo, que normalmente não tem acesso ao sistema financeiro tradicional, pode contratar um empréstimo no valor de R$ 300 até R$ 20 mil.


A vantagem é que essa linha de crédito, além de menos burocrática, tem uma taxa de juros menor. "A simplicidade de acesso e o baixo valor de cada operação são características que fazem do microcrédito uma excelente escolha de captação de recursos de terceiros por microempreendedores individuais", diz o Sebrae.


O recurso deve ser utilizado exclusivamente para investimentos na empresa, para que a concessão do empréstimo seja assistida. Ou seja, os agentes de crédito vão ao local onde o trabalhador realiza uma atividade produtiva para avaliar as necessidades do microempreendedor, bem como as condições de pagamento.


"Esse profissional começa a acompanhar a evolução do negócio e orientar, se necessário. Os recursos do microcrédito produtivo orientado visam sempre financiar capital de giro e investimentos produtivos fixos, como obras civis, compra de máquinas e equipamentos novos e usados, compra de insumos e materiais, entre outros", afirma o Sebrae.


Planejamento financeiro

Atualmente, diversas instituições financeiras oferecem linhas de crédito específicas para microempreendedores. No entanto, é necessário analisar a real necessidade do empréstimo para que ele seja utilizado corretamente e não represente um problema futuro.


A dica é antes de solicitar a busca de crédito as opções disponíveis no mercado, e avaliar as condições oferecidas por cada um. Vale ressaltar que, embora o microcrédito seja voltado para o microempreendedor, não significa que seja automático e garantido, pois a instituição financeira fará uma análise de crédito.


Como solicitar o empréstimo?

De acordo com a lei que instituiu o Programa Nacional de Microcrédito Produtivo Orientado, as entidades autorizadas a oferecer linhas de microcrédito são:


  • Caixa Econômica Federal;
  • BNDES; bancos comerciais;
  • bancos de desenvolvimento;
  • vários bancos com carteira comercial; cooperativas de crédito centrais ou individuais;
  • agências de financiamento; a empresa de crédito para microempreendedores e pequenas empresas;
  • organizações da sociedade civil de interesse público.

Para consultar as instituições ou operadoras de agentes que fornecem microcrédito, basta acessar o site do BNDES

 (Solicitar Empréstimo Bndes).