Conta de luz AUMENTOU! Confira dicas para economizar no consumo durante o verão.


Brasileiros passarão a pagar mais caro nas novas contas de luz. A partir desta terça-feira (01), a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) irá retomar as cobranças de suas bandeiras tarifárias que estavam suspensas por causa do covid-19.

Dessa forma, os valores nas cobranças da conta de luz ficarão ainda mais altos. No texto abaixo, confira algumas dicas para reduzir sua fatura. 


No verão o brasileiro tende a pagar valores ainda mais altos nas contas de luz. Aparelhos como ar condicionado e demais refrigeradores passam a ser utilizados com uma maior frequência fazendo com que a fatura seja amplificada.


Tendo em vista a retomada das tarifas da Aneel será preciso ficar atento para não precisar quitar mensalidades absurdas. 


Dicas para economizar na sua conta de luz

Um dos principais cuidados que deve ser tomado pelo consumidor é o controle naqueles aparelhos que possuem um consumo mais elevado.


Para quem utiliza ar condicionado, por exemplo, recomenda-se o uso apenas durante o período noturno e sob uma baixa frequência de refrigeração.  



No caso das máquinas de lavar roupa, uma dica é selecionar apenas um único dia da semana para a utilização do eletrodoméstico. Junte todas as roupas e lençóis e passe a lava-los em conjunto.



Isso evitará com que a maquina fique ligada por mais tempo e consequentemente gaste mais.
Outra opção também é a seleção da função ‘economia de energia’ que faz com que o equipamento lave de forma mais rápida.  


Para as geladeiras, uma dica simples é evitar a abertura desnecessária de suas portas, isso evitará com que seu motor puxe mais energia para amplificar a refrigeração.


Em chuveiros elétricos, recomenda-se que seja reajustada a temperatura. Quanto mais quente, maior será o consumo de energia. Tendo em vista o calor do verão o recomendado é que o produto seja desligado ou utilizado apenas no período noturno.  


— Medidas simples, como diminuir a temperatura do chuveiro, evitar o uso do micro-ondas para descongelar alimentos e abrir a geladeira com menor frequência, podem impactar significativamente no valor da conta. Também é importante verificar as instalações internas do imóvel periodicamente, pois as antigas, com fios velhos ou muitas emendas, geram desperdício de energia e podem até causar incêndios — explica Luis Felipe Diniz, responsável por Faturamento da Enel Distribuição Rio. 


Dados da própria Aneel mostram que no verão as contas passam a ficar até 8,6% mais cara sob a utilização exagerada de tais equipamentos.