Aposentadoria do INSS pode ser liberada sem idade mínima? Confira.

Imagem: Google

Após a reforma da Previdência, que entrou em vigor em 13 de novembro do ano passado, surgiram dúvidas sobre a aposentadoria do INSS.

Uma das principais é se há a possibilidade de se aposentar sem a idade mínima. 


A primeira coisa que deve ser observada é se o segurado já havia obtido o direito de receber a aposentadoria antes da reforma.


Eles não têm que se preocupar com idade mínima ou novas regras de cálculo se o segurado tiver cumprido os requisitos antes de 12 de novembro de 2019.


Portanto, homens que completaram 35 anos de contribuição e mulheres que completaram 30 podem apresentar pedidos.


Permitir que o benefício tenha seu cálculo realizado nas regras antigas, o que foi vantajoso para muitos.


Assim, com as mudanças extintas a regra da aposentadoria apenas por tempo de contribuição, os candidatos devem atingir o tempo de contribuição e a idade mínima.


Pedágio de 50% e Fator Previdenciário

A regra foi criada junto com a aposentadoria para quem estava perto de se aposentar em 2019.


No entanto, para a aplicação é necessário que o homem tenha 33 anos de contribuição e a mulher 28 anos, até 12 de novembro de 2019.


Além disso, é necessário contribuir por um período de 50% do tempo que resta para chegar aos 35 anos para homens e 30 para mulheres.


O fator previdenciário reduzirá o valor do benefício do INSS, alguns segurados são orientados a esperar para poder se enquadrar em outra regra para se aposentar.


Os afetados terão uma redução no valor mensal da aposentadoria e às vezes é melhor esperar alguns meses e receber um pouco mais. 


Quem tem um salário médio baixo, próximo ao piso, que hoje é de R$ 1.045, a legislação não permite que aposentados recebam menos de um salário mínimo.