Saque do FGTS Emergencial: ÚLTIMO grupo recebe R$1.045 nesse sábado (14) Confira.

Imagem: Reprodução / Google

A partir deste sábado, 14 de novembro, os trabalhadores nascidos em novembro e dezembro e que têm conta no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) poderão sacar o valor do FGTS emergencial.

Aqueles trabalhadores que ainda não estão aptos a receber, ou que optaram por não levar o dinheiro, têm até o final do ano para liberar o saque no valor de R$ 1.045.


O saque pode ser de uma conta ativa ou inativa, ou seja, do emprego atual ou de empregos anteriores.


Segundo a Caixa, os trabalhadores qualificados já receberam o crédito dos recursos na Poupança Social Digital.


O FGTS emergencial foi uma das medidas encontradas pelo Governo Federal para ajudar os brasileiros a lidar com a crise econômica causada pela pandemia Covid-19. Todo trabalhador com carteira assinada tem direito ao fundo de garantia.


Saídas de saque e transferência de valores creditados estão sendo liberadas gradualmente. Confira a data de acordo com o cronograma. 


Desde o dia 31 de outubro, os nascidos em setembro e outubro poderão sacar o valor depositado nas contas.


Calendário de pagamentos emergencial do FGTS

Mês de nascimento - Conta de crédito - Pagamento e/ou transferência


Janeiro - 29 de Junho - 25 de Junho 

Fevereiro - 6 de julho a 8 de agosto 

Março - 13 de Julho - 28 de Agosto

Abril - 20 de julho - 5 de setembro 

Maio - 27 de Julho - 19 de Setembro 

Junho - 3 de agosto a 3 de outubro 

Julho - 10 de agosto a 17 de outubro 

Agosto - 24 de agosto a 17 de outubro 

Setembro - 31 de agosto a 31 de outubro 

Outubro - 8 de setembro a 31 de outubro 

Novembro - 14 de setembro a 14 de novembro 

Dezembro - 21 de setembro a 14 de novembro


Prazo para quem tem o benefício atrasado

O segurado com direito a quem ainda não teve o valor depositado, pelo menos na Caixa Tem precisa corrigir os erros nos dados cadastrais. O prazo para liquidar e receber o valor é 31 de dezembro.


Confira as dicas da Caixa para não cair em golpes

A Caixa nunca pede senha e assinatura eletrônica na mesma página, e a assinatura é inserida apenas através da imagem do teclado virtual.


A Caixa não envia SMS com um link e só envia e-mails se o cliente autorizar.


O trabalhador deve se cadastrar no site oficial do FGTS e aplicativo no Google Play e Apple Store.


Google Play ou App Store) e registre-se usando seu e-mail e número de celular. Uma vez registrado no aplicativo, o trabalhador impede que os golpistas tenham acesso à conta.


A Caixa recomenda que os trabalhadores utilizem apenas os canais oficiais do banco para obter informações sobre o FGTS.


Não forneça senhas ou outros dados de acesso em outros sites ou aplicativos.


O cliente deve estar sempre atento a qualquer atividade e situação inusitadas, e principalmente não clicar em links recebidos por SMS, WhatsApp ou redes sociais para acesso a contas e recebíveis.


Desconfie de informações sensacionalistas e "oportunidades imperdíveis".


Você deve verificar se o link tem https para que a conexão seja segura para a inserção de dados. O mesmo vale para o cadeado antes do endereço. O usuário pode clicar nele para verificar o certificado de segurança e a data de validade.