Aprenda como ativar a função crédito do seu cartão de débito NUBANK.

Imagem: Google

O cartão de débito Nubank está disponível para todos os clientes da NuConta, podendo ser usado para compras presenciais, em qualquer estabelecimento do Brasil que aceite débito na máquina.

No entanto, você sabia que pode ativar a função de crédito no seu cartão de débito?

Para usar o débito no Nubank, você deve ter ou abrir uma conta fintech digital gratuita, sem a necessidade de passar por análise de crédito, pagar qualquer taxa ou possuir o cartão de crédito. A conta digital não tem taxas de manutenção e oferece transferências ilimitadas aos usuários.


Como ativar a função de crédito no cartão de débito Nubank

Se você já usa a função débito do Nubank, você pode receber um extrato da fintech dizendo que passou na função de crédito. Com isso, basta ativá-lo dentro do próprio aplicativo, sem a necessidade de solicitar crédito.



Se você ainda não recebeu uma comunicação, mas já é cliente da conta digital e deseja ter um cartão de crédito Nubank, você pode fazer a solicitação. No entanto, sua aprovação na modalidade de crédito depende de uma análise, que envolverá seu CPF e sua pontuação de crédito, como acontece na maioria das instituições.


O que é pontuação de crédito?

A pontuação é como o consumidor se relaciona com o mercado de crédito, funciona como um espelho da vida financeira do cliente.
São analisados diversos fatores, como histórico de dívidas negativas, pagamentos de contas por conta, relação financeira com empresas e dados cadastrais atualizados.


A pontuação varia de 0 a 1.000 (mil) e quanto maior a pontuação, as chances de inadimplência são menores, o que facilita a adesão às linhas de crédito. Com uma pontuação baixa, o cliente tem limitações nas linhas de crédito financeiro.


O score de crédito também é usado para determinar a taxa de juros que você receberá em um empréstimo ou cartão de crédito.



O usuário pode consultar sua pontuação online na página do Serasa Score:


• Pontuação baixa: até 300 pontos (alto risco de inadimplência);

• Pontuação média: entre 300 e 700 (risco médio de inadimplência);

• Pontuação alta: pontuação acima de 700 pontos (baixo risco de inadimplência).